ÍNDIOS NO PODER alcança as 27 capitais na programação da 11ª Mostra Cinema e Direitos Humanos

O curta ÍNDIOS NO PODER (DF, 2015, 21 min) integra a programação da 11ª Mostra Cinema e Direitos Humanos, com sessões gratuitas, e terá nove exibições no mês de junho. As últimas capitais a receberem nosso filme são Fortaleza (04/06), Belém (05/06), Macapá (06 e 07/06), Maceió (08/06), Natal (08/06), Porto Alegre (11/06), São Paulo (23/06) e Rio de Janeiro (23/06).

Simbolicamente, a primeira projeção foi no Mato Grosso do Sul/MS. O filme também foi rodado nesse estado, fronteira de expansão do agronegócio dominada por políticos(as) ruralistas . A narrativa é centrada na resistência do Povo Kaiowa Guarani nas retomadas dos territórios tradicionais, com protagonismo de lideranças do Tekoha Takuara – Juti/MS. O enredo se desenvolve pelo contraponto entre o mandato de Mario Juruna Xavante na Câmara dos Deputados, na 47ª Legislatura (1983-1986), e a candidatura do cacique Ládio Veron Kaiowa ao cargo de deputado federal, nas Eleições 2014. Esse lapso temporal reflete a ausência de representação indígena no Congresso Nacional, desde a redemocratização na Constituinte (1987-1988), e denuncia o poder crescente da Bancada Ruralista na política nacional.

O filme representa a temática “direitos da população indígena” na Mostra Panorama, cuja curadoria apostou na diversidade de propostas com enfoque em questões atuais. Naine Terena, Soilo Urupe Chue Chue e Boe Liberio (foto de divulgação) foram convidados para conduzir o debate sobre o tema em Cuiabá, após a sessão, no encerramento da Mostra em Mato Grosso.

A última exibição ocorrerá na cinemateca do MAM (RJ) e pretende-se garantir a presença de representante Kaiowa Guarani entre as(os) participantes do debate. Segundo Sonia Machado, produtora da Mostra no Rio de Janeiro, é preciso promover discussão sobre as lutas indígenas pois o “tema fica muito invisível no meio de tantas questões sociais”.

É muito relevante alcançar o público nas 27 capitais com nossa proposta de comunicação por direitos indígenas. O clamor do Povo Kaiowa e Guarani por terra, vida, justiça e demarcação no MS e a luta por representação política direta no Congresso Nacional são duas pautas urgentes que precisam ser conhecidas pela sociedade brasileira. Acompanhe a agenda do filme nos últimos dias da 11ª Mostra Cinema e Direitos Humanos, compartilhe!

  • SERVIÇO: ÍNDIOS NO PODER na Mostra Panorama – 11ª MCDH 2017.
  • Fortaleza/CE: 04/06, às 14h, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.
  • Belém/PA: 05/06, às 16h30, Cine Líbero Luxardo – Fundação Cultural do Pará.
  • Macapá/AP: 06/06, às 14h; e 07/06, às 10h30, Teatro das Bacabeiras.
  • Maceió/AL: 08/06, às 20h, Museu da Imagem e do Som de Alagoas/MISA.
  • Natal/RN: 08/06, às 9h, IFRN – Campus Natal (Cidade Alta).
  • Porto Alegre/RS: 11/06, às 17h, Cinemateca Capitólio Petrobras.
  • São Paulo/SP: 23/06, às 16h, Biblioteca Mário de Andrade.
  • Rio de Janeiro/RJ: 23/06, às 18h, Cinemateca do MAM.

Assista ao trailer oficial: https://vimeo.com/140084737.

 

Texto de Rodrigo Arajeju; foto de divulgação da 11ª MCDH Cuiabá/MT (fonte: https://www.facebook.com/1437899749765170/photos/pcb.1909330289288778/1909330239288783/?type=3&theater).

Advertisements